sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Labirintite, ATM, ZUMBIDOS

Labirintite: Diagnóstico, Sintomas, Causas e Tratamentos - 12/08/2008 - 10:01:43

Muitas pessoas (inclusive crianças), sofrem desses sintomas de labirintites: como tonturas, vertigens ou zumbidos, mas não sabem que podem estar sendo originadas, devidos a problemas musculares da cabeça e também, em alguns outros componentes da face, como nos ligamentos, por exemplo. Além da tontura ou vertigem (chamada de labirintite), esses problemas podem ocasionar, diversos outros tipos de sintomas, como zumbidos ou barulhos ou sensação de ouvido tampado, dor de cabeça, ouvido, pescoço, braços ou peito, enjôos, entre diversos outros sintomas.

Às vezes, os pacientes com esses sintomas de tonturas (chamadas de labirintites), sofrem durante meses e até anos, levado-os ao consumo de muitos remédios (com seus efeitos colaterais) e por vários tipos de exames, sem resultados; sem saber que esses sintomas, podem estar sendo causados, por problemas nos ligamentos e músculos.

O tratamento das sintomatologias, com essa origem, são efetuadas, sem a necessidade da utilização de medicamentos, restrições alimentares, reabilitação fisioterápica ou exames, que possam trazer algum incômodo, para o paciente.

OBS: Segundo pesquisas recentes, o uso contínuo de certos medicamentos, para tratamento das tonturas, vertigens ou zumbidos (chamados de Labirintites), indicados para idosos acima de 64 anos, podem induzir sintomas, associados ao mal de Parkinson (falso mal de Parkinson). Esse problema pode ocorrer, com medicamentos do tipo flunarizina e cinarizina. Quais são os nomes comerciais, da cinarizina e da flunarizina? Cinarizina: Cinageron, Antigeron, Stugeron, Coldrin, Cronogeron, Exit, Vessel, Sureptil e Verzum. Flunarizina: Flunarin, Fluvert, Vertizine D, Sibelium, Flumax e Vertix. Essas drogas, são potenciais bloqueadoras de dopamina, uma das principais causas do Parkinson.

* Labirintite é um termo popular, usado geralmente para designar, problemas relacionados ao equilíbrio (como tontura, vertigem ou zumbidos). Na verdade, o termo correto a ser usado é labirintopatias, que significa doença do labirinto e não labirintite, cujo significado correto é infecção ou inflamação do labirinto, o que é uma manifestação bastante rara. É importante que as pessoas e profissionais da saúde, tenham conhecimento desses sintomas de origem músculo ligamentar, para um melhor diagnóstico, dos pacientes portadores de problemas de tonturas (chamadas labirintites) com essa origem, cujo tratamento, em muitos casos, conta com a participação de diversos profissionais da área da saúde.

O tratamento para os sintomas de origem ligamento - muscular, visa restabelecer o equilíbrio perdido e, com isso, a remissão dos sintomas. Os sintomas de tonturas ou vertigem (labirintopatias) ou labirintite, normalmente tem como origem o labirinto. Labirinto é um órgão localizado junto aos ouvidos, que informam ao nosso cérebro, sobre a orientação espacial e do equilíbrio do nosso corpo. Tontura é o termo que representa todos os sintomas de Labirintite. Vertigem é a sensação de rotação de nossa cabeça. Ao abaixar ou levantar ou rodar a cabeça, nos portadores de tontura (chamadas labirintites), sentem perda desse equilíbrio. Essas alterações de equilíbrio podem ser pequenas, até casos que impedem de o paciente de executar as suas tarefas do dia a dia.

As causas da Labirintite (ou Labirintopatia):
1) Por problema de irrigação do labirinto.
2) Uso de certos medicamentos.
3) Hereditariedade.
4) Causas Virais.
5) Associadas à sintomas de ATM, DTM e estress. A maior parte dos casos, tem essa origem.

Orientações:
Observar se quando estiver com as crises de tonturas (chamadas labirintites), se elas variam de intensidade, ao deixar a boca entreaberta ou ao mastigar os alimentos ou ao se levantar da cama, por exemplo. Nesse caso seu problema pode ser relacionado ao ítem 5.
Os sintomas de tonturas ou vertigens, de origem músculo - ligamentar, atrapalham muito a qualidade de vida do paciente. Principalmente o receio que a tontura volte a aparecer a qualquer momento, prejudica bastante os afazeres do dia a dia, dos portadores dessa sintomatologia.
Muitos pessoas nos procuram, queixando-se que seus sintomas de tonturas, que estaria atrapalhando suas atividades profissionais e em alguns casos, tiveram de afastar temporariamente dessas atividades, devido a intensidade desse seus sintomas.

O tratamento para esses sintomas, com essa origem, normalmente não requer medicamentos, evitando assim os efeitos colaterais, que algum medicamentos possuem. Alguns outros sintomas no ouvido, que também podem ter origem por problemas musculares são: dores reflexas no ouvido, sensações de ouvido tampado, certos tipos de zumbidos ou barulhos no ouvido. Alguns desses sintomas, como os zumbidos (tinnitus) e ouvido tampado, podem ser causados pela compressão da tuba auditiva, pelo músculo.

Obs: (foto) Tuba auditiva é um tubo que liga o ouvido médio e a cavidade nasal. Esse tubo é encarregado de equilibrar a pressão do ar externo no ouvido médio (ouvido médio - região localizado atrás do tímpano onde fica localizado os ossículos do ouvido).
São os músculos que comandam a abertura e fechamento da tuba auditiva, o que acontece ao deglutirmos. Se esses músculos entrarem em espasmos (a semelhança o que ocorre nos olhos, pescoço e peito), nos problemas da ATM, podem causar os sintomas de zumbidos e a sensação do ouvido tampado.

ATM (ou DTM) e problemas do labirinto:
Pode parecer estranho, mas grande parte dos problemas do labirinto, como nas tonturas ou vertigens (chamadas labirintites), podem ser relacionados por problemas de ATM,DTM pela má posição ou faltas de alguns dentes, devido a um ligamento (espécie de fio que une dois lados) e músculos. Além disso pode causar dor de cabeça ou dores reflexas no ouvido, estalos ao movimentar a boca, enjôos, bruxismo ou briquismo, torcicolos, entre outros problemas.

Quando estamos em situação de estresse, por exemplo, podem ocorrer o aparecimento ou o aumento dos sintomas de tonturas, em paciente com problemas de desequilíbrios ligamentares - musculares, devido à maior tração exercida nesses ligamentos e músculos, já tensionados por problemas de desequilíbrio. O mesmo pode ocorrer com os músculos da cabeça, (músculos mastigadores, por exemplo) gerando dor de cabeça, como a enxaqueca, migrânea ou cefaléia tensional, às vezes, bastante intensas.
Dores de Cabeça: Enxaquecas, Migrâneas e Cefaléias Tensionais

Mas, qual a origem das maiorias sintomas de dor na cabeça? Mais de 90% são de origem muscular, gerados devidos a um aumento excessivo da produção do ácido láctico, gerando dores e cãimbras musculares (do tipo da que ocorre nas pernas), nos músculos localizados em torno da cabeça. Para que isso não ocorra é necessário que os músculos, quando não utilizados, estejam na posição de repouso (ou equilíbrio); quando isso não ocorre, temos sintomas de dor. Quando esse esforço muscular é muito grande pode haver uma parada na atividade desse músculo (para evitar um mal maior, como uma lesão nesse músculo), gerando limitação ou dificuldade de abrir a boca em alguns casos.

Zumbidos e problemas de ouvido tampado, tonturas (chamadas labirintites); problemas da garganta e/ou disfunção?
Há muita evidência estatística em uma conexão entre estes três problemas, a maioria dele que vem dos estudos na Suiça e nos EUA. Se você fizer exame dos grupos das pessoas, combinados com cuidado para a idade e o sexo, você encontra lá é uma proporção muito mais elevada dos povos com zumbidos naqueles que têm problemas da garganta(como gripes e resfriados, entre outros problemas na garganta) ou problemas da articulação temporomandibular, em comparação à aqueles que não a possuem.
Certamente o otorrino alemão, Costen em 1930 descreveu uma conexão entre problemas dos maxilares e uma combinação do desequilíbrio, as tonturas (chamadas de labirintites), sensações de o ouvido tampado e o zumbido. Pelas pesquisas de hoje em dia parece definitivamente haver alguma conexão direta entre estes problemas.

Uma ligação, entre problemas articulares e do labirinto e o ouvido médio é difícil de compreender, mas aquela entre problemas da garganta e o labirinto é fácil, desde que há completamente um número de reflexos que ligam o órgão do labirinto com a garganta e vice-versa. Os problemas de um podem criar problemas do outro. Assim, como os problemas nas ATMs, podem causar dores nos músculos, que comandam as movimentações dos olhos, e em outros músculos, alguns distantes da cabeça, como os músculos peitorais, entre outros.

Alguns casos, entre as centenas de pacientes atendidos em nossa clínica com esse problemas, ilustram bem essa relação entre os zumbidos, sensações de ouvido tampado, tonturas e ATM ou DTM:
1- Uma paciente jovem ao levantar a língua em direção ao palato, com a boca aberta, aparecia os sintomas de tonturas e ao abaixar a língua, os sintomas de tonturas desapareciam.
2- Um paciente ao colocar um elástico para promover o afastamento dos dentes para colocação de banda ortodôntica (banda ortodôntica anel metálico, que é colocado em volta dos dentes para utiliza-lo para ancoragem ou para movimentação dos dentes), sentia sintomas de tontura (chamada de labirintite) e, ao retirar esses elásticos dos dentes, os sintomas melhoravam. Por várias vezes esse paciente tentou fazer a movimentação dentária, mas toda vez que colocava os elásticos, os sintomas de tonturas voltavam. O paciente, acabou desistindo de fazer essa correção dentária.
3- Um paciente com problemas de tonturas, sensações de ouvido tampado, zumbidos no ouvido, melhorou desses sintomas ao promover o reequilíbrio dos dentes, músculos e ligamentos.
O estresse, a raiva, o rancor e a mágoa, que guardamos e não damos oportunidade para dissipa-los, quer através de atividades de lazer, quer não perdoando e esquecendo-os, criam sérios problemas em nosso corpo e mente. Muitas pessoa adoecem, por não saberem dissipar esses problemas. Um pouco de estresse é bom, mas quando é em excesso, torna-se um grande problema.
É preciso, que o profissional tenha bastante experiência, para poder diferenciar os sintomas com essa origem, de outros causas, afim que se possa ter resultados, no tratamento dessas sintomatologias.


* Autor: Dr. JJ Barros de Dr. Luiz Fernando BarrosNosso - E-mail: cjjbres@uol.com.br

10 comentários:

  1. Eita que eu sinto isso tudo. Dores musculares generalizadas, principalmente pernas, braços, lombar, cervical...Tenho zumbidos, sensação de tampamento, insonia, muita dor de cabeça e ultimamente muita tontura com sensaçao de desmaio. Tenho atm desde que tinha 12 anos, agora tenho 33 e a única coisa q me receitaram foi a placa miorelaxante. Tenho péssima abertura de boca e realmente naõ sei mais o que fazer.

    ResponderExcluir
  2. oi nao aguento mais nao consigo arrumar trabalho porque sempre tenho tontura perdi audiçao do ouvido esquerdo ha mais de 10 anos tontura a4 anos o que faço nao consigo tratamento sinto nauseas dores no estomago sensaçao de morte tenho 3 filhos queria muito fica curada mais nada tem jeito queria uma orientaçao onde proucura ajudar

    ResponderExcluir
  3. olá, vc já procurou um neurologista???????????
    faça uma busca em buco- maxilo facial tb , procure acupuntura, vc pode estar com problemas de musculatura, nervos, ligamentos, não fique só no otorrino
    boa sorte e melhoras

    ResponderExcluir
  4. Brites, vc já foi a um reumatologista?
    algumas doenças ou sindromes podem ter esses sintomas como fibromialgia, dê uma olhada aqui no blog

    http://autoimunes.blogspot.com/2010/05/sobreposicao-de-sindromes-em.html

    bjks

    ResponderExcluir
  5. Boa noite Ane.... meu nome é Janaína e tenho 21 anos, venho tendo vertigens horriveis há +/- 2 semanas, a um ano tratava de DTM, em janeiro fiz uma cirurgia de expansão da maxila, minhas dores na ATM melhoraram, mas a uns dias venho tendo essas vertigens que aumentam muito na hora que deito e fecho os olhos para dormir. Ouço também muito zombido principalmente no ouvido direito e minha ATM esquerda voltou a doer, tenho também a sensação de sensibilidade ao redor do ouvido direito, gostaria de saber se essas alterações estão relacionadas com a DTM e se pode ser considerada como labirintopatia?... Obrigada e parabéns pelo blog, é perfeito e me esclareceu muita coisa!

    ResponderExcluir
  6. Boa noite Ane.... meu nome é Janaína e tenho 21 anos, venho tendo vertigens horriveis há +/- 2 semanas, a um ano tratava de DTM, em janeiro fiz uma cirurgia de expansão da maxila, minhas dores na ATM melhoraram, mas a uns dias venho tendo essas vertigens que aumentam muito na hora que deito e fecho os olhos para dormir. Ouço também muito zombido principalmente no ouvido direito e minha ATM esquerda voltou a doer, tenho também a sensação de sensibilidade ao redor do ouvido direito, gostaria de saber se essas alterações estão relacionadas com a DTM e se pode ser considerada como labirintopatia?... Obrigada e parabéns pelo blog, é perfeito e me esclareceu muita coisa!

    ResponderExcluir
  7. olá foi muito bom conhecer esse blog,tenho atm ,e agora pela medicina foi constatado que tenho labirintite,gostaria de saber quale a amelhor forma de ter uma vida melhor ,por que pra mim tenho tido dias horriveis com muita tontura vivo a base de remeio ,gostaria de uma segunda analise.

    ResponderExcluir
  8. sinto tonturas, panico as veses desespero parece que vou morrer cansaço depressao tudo depois a dra me diagonasticou com labirinte nunca fez nehum ixame nem raiox o sus e uma porcaria nao adianta falar com os medicos eles receitam o que querem quase todo dia passo mal o que fazer ja vou fazer 60 anos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá, vc deve procurar um otorrino quem sabe em um hospital escola,
      a labirintite tb está ligada ao stress, portanto relaxe, e se cuide
      boa sorte e saúde

      Excluir
  9. Tenho 34 anos, há mais de cinco meses estou tendo desequilíbrio, uma sensação estranha nos olhos, muita dor no pescoço, garganta e nos braços, não consigo nem arrumar o cabelo que doí, o ouvido parece meio tampado doí, coça. Já fiz a tomo e deu uma discreta assimetria volumétrica dos cornos anteriores dos ventrículos laterais, sendo maior à direita.o que significa?

    ResponderExcluir

Obrigada por ter me visitado, volte sempre
Ane Coelho

Daily Calendar

Seguidores

alongamento

alongamento

Notícias

Loading...

Follow by Email

dores e doenças autoimunes

Loading...
Loading...

saúde

Loading...